Olá, olá!!! Como estão os meus meninos e meninas? Voltei lá de fora para mais uns escritos, para vosso deleite ou pânico extremo… 😉

O regresso é marcado por um teste que pude fazer a este equipamento durante uma semana e não deu para mais, mas já lá iremos.

Já tinha estado de olhos postos neste equipamento quando as specs dele vieram ao de cima e quando uma das pessoas lá de casa comprou um, tive de o pedir emprestado (isto de fazer reviews em modo pobretanas não dá para outra coisa 😉 ) para uma semaninha de testes.

É que um equipamento com 4g, MTK6755 Helio P10 (Octa core 64 bits), 5.5” FHD 1920×1080, 4gb+32gb e cameras de 5MP e 13MP por aproximadamente 180€ parecia-me muito bem. Mas se a isso adicionarmos um leitor de impressões digitais e USB Type-C com Fast-Charge… Estamos a falar a língua correcta… 😉 “Pouco” dinheiro com boas specs e material bom.

1464072964513802Destaque imediato para o embalamento e caixa de metal que traz o telemóvel, cabo Type-C e respectivo carregador Fast-Charge (de 0% de bateria para 65/70% em menos de uma hora), manual e mais nada. Headphones não traz… A UMI deve estar preocupada com as nossas capacidades auditivas, se calhar. Ao menos uns phonezitos para disfarçar, não, UMI?

Ao pegar no equipamento, noto logo uma diferença brutal de peso e sensação de qualidade de fabrico em relação ao meu telemóvel  (Wiko Ridge FAB 4G), devido essencialmente por estarmos em presença de um equipamento full metal body, com a traseira também em metal, excepto no topo e fundo que é plástico, para melhor desempenho de sensores e antenas e afins. Mais pesado, sem duvida, mas a sensação de qualidade de fabrico também pesa.

umi-super-7

E é aqui atrás que encontro um dos pontos fortes deste equipamento. O sensor de impressões digitais além de estar muito bem colocado, é muito bom. Dá para definir os 10 dedos das mãos para desbloquear o equipamento, que embora soe um pouco a “exagero”, o facto é que dá jeito quando se tem um ecrán de 5.5” praticamente “bezel-less”… E chegamos ao que para mim foi o melhor e pior deste equipamento. A frente…

Se o equipamento é de facto muito bonito (gostos não se discutem, mas…), com a luz de notificação muito bonita, de várias cores para cada tipo de notificação, foi também o que deu problemas após duas semanas de uso (uma do dono e uma minha).

img_57375c7b230f8

A metade inferior do ecran começou a falhar e eventualmente ficou aos “risquinhos”, embora ainda funcional (foi para reparação à marca e já está um novo em viajem para o dono). Pensei que seria só um mero caso de um equipamento deficiente, mas de facto, após uma mera pesquisa na net (O Google é um bom amigo), encontram-se mais uns quantos donos deste equipamento com a mesma queixa. E olhem que é difícil encontrar lojinha que repare este ecran… Bem que tentámos, em Edimburgo, e acreditem que cada 3 portas há uma loja de reparações de telemóveis… Mas a marca parece estar ao corrente e prefere substituir logo o equipamento. É uma chatice, mas sempre é melhor que as normais respostas de que foi “humidade” e não repararem ou substituir o equipamento (não é WIKO?)

overview_07Mas isso nem foi o pior deste equipamento. Esse “prémio” vai para a PÉSSIMA qualidade de imagem que se pode conseguir com as cameras deste equipamento. Lenta, de cores esbatidas e frias, até o pobre visor ficava envergonhado de ter tão mau exemplo de imagens a mostrar num ecran de FHD 2.5K… JURO que a camera traseira do meu saudoso Sony Live Walkman envergonhava a camera deste equipamento… Não tem de todo lugar neste, que poderia ter sido, um excelente equipamento.

De resto, a bateria de 4000mh da Sony faz o serviço de forma exemplar, com uma duração acima de um dia com TUDO ligado. Apanhar Pokemons com este equipamento aconselha-se, MESMO. O GPS funciona onde os outros falharam (Wiko, Sony M4, etc.) e bem.

Então, perguntam vocês, é equipamento para comprar ou não? Não. Não aconselho. Podem não ter problemas com o ecran (podem fazer parte do circulo de sortudos a quem isso não aconteceu), mas basta terem que tirar uma foto para ficarem a torcer o nariz. Aliás, posso bem mais facilmente enumerar o que de bom tem este equipamento: o aspecto (eu gosto e muito), o leitor de impressões digitais, a bateria Sony de 4000mh e a (aparente) qualidade de construção… O resto, sinceramente, não obstante o preço, não tem cabimento num modelo de entrada de gama, quanto mais num modelo que se diz SUPER.

Ideal era eu saber mesmo a sério de electrónicas e afins e trocava o visor e cameras do meu Wiko para aquele chassis lindíssimo. Mas não é esse o caso…

Se têm experiências diferentes com este equipamento, digam, escrevam nos comentários ou assim, mas tenho a impressão que não serei muito desdito.

Abreijos e até à próxima…

 

  • Carlos

    João, umi nao queria nem de graca

    • Karll

      Eu keria e kero e tenho!!

  • P Espinha

    …em Edimburgo, e acreditem que cada 3 portas há uma loja de reparações de telemóveis… Eu acreditar nessa afirmação? Só se fosse cego.