Equipamento topo de gama da marca Sony foi apresentado na IFA em Berlim com a resolução de ecrã como “bandeira”

Já vos tinhamos apresentado o equipamento aquando da sua divulgação no IFA. Entre as caraterísticas ressalvadas, o seu ecrã de resolução 3840×2160 afigurava-se como uma das mais apetecíveis.

Sony_Xperia_Z5_premium_review_00A Sony veio agora confirmar que o hardware é capaz de tal, mas apenas recorre a esta resolução na reprodução de média, como imagens e vídeos. Nos restantes cenários o ecrã faz os já habituais 1080p.

Se por um lado podemos

acusar a Sony de falsa publicidade, por outro apresenta um argumento que nos faz compreender a decisão. O fabricante indica que só recorrendo a esta gestão é possível assegurar os 2 dias de autonomia assegurados na apresentação.

No vídeo que se segue a Sony tem o cuidado de destacar que os 4K não são constantes.

 

Para aqueles utilizadores em que a autonomia é vital na seleção de um smartphone, certamente compreenderão a decisão. Resta agora aos fabricantes apostar cada vez mais no desenvolvimento das baterias de forma a podermos ter a autonomia desejada sem limitar o hardware dos equipamentos.