A Sony desenvolveu o primeiro sensor CMOS de tripla camada para smartphones. Os modelos actuais, como o IMX318, contam com apenas duas camadas CMOS. Este novo sensor, que conta  com 21,2 MP, vem com uma nova camada com DRAM dedicada e painel próprio de luz capaz de oferecer um processamento mais avançado de captura de imagens.

O que é que esta nova camada DRAM tem para oferecer? Permite acelerar a troca de informações entre o sensor da câmera e o processador de imagens do smartphone, o que permite capturar imagens com incrível velocidade. Resultado disso é a possibilidade de gravar vídeos a 1000 frames por segundo, sendo 8x mais rápido do que aquilo que o sensor IMX318 é capaz.

O novo sensor de tripla camada é capaz de ler 19,3 milhões de pixeis em apenas 1/120 segundos, sendo 4x mais rápido do que o IMX318. Esta mudança é muito importante para smartphones que não possuem controlos mais apurados de exposição, o que permite fotos menos tremidas em situações com baixa luminosidade.

Em baixo podemos ver um vídeo que mostra do que este novo sensor é capaz. O exemplo foi gravado a 960 frames por segundo, sendo reproduzido a 15 FPS para dar o efeito de super slow motion.

Infelizmente, não há qualquer informação de quando veremos este novo sensor num smartphone, mas um recente rumor sobre o Galaxy S8 informou que Samsung estaria a pensar usar um novo sensor da Sony ainda não disponibilizado para smartphones. Será este o novo sensor de fotos?