A Comissão Europeia decretou que sem a autorização dos pais os menores de 16 anos estão proibidos de aceder ao Facebook.

De acordo com o Expansion, a medida destina-se a proteger dados de menores de se tornarem públicos. A proibição já era aplicada a menores de 13 anos, passando assim a ser alargada.

14526206299483

O Facebook é indiscutivelmente a maior e mais popular rede social. Com um público que abrange as mais diversas faixas etárias, mas esta decisão não diz apenas respeito ao Facebook mas também a outros serviços como e-mail ou aplicações,(Instagram e Snapchat).

“Esta proibição vai afetar milhões de crianças e adolescentes que necessitam de obter permissão de seus pais para usar os serviços de internet”, aponta uma fonte ligada a algumas das tecnológicas afetadas.

A nova lei, deverá ser adoptada ao longo deste ano, será ilegal as redes sociais manterem informações pessoais de crianças menores de 16 anos sem o consentimento explícito dos pais.

Tal proposta está já a levantar críticas por parte das tecnológicas norte-americanas que dizem que tais limitações irão mais além da simples criação de um perfil.