Hugo Barra usou sua conta oficial no Facebook para publicar um texto confirmando a sua saída da Xiaomi, no dia 23 de Janeiro de 2017. Três dias depois, o seu destino foi confirmado por nada mais e nada menos que Mark Zuckerberg, fundador do Facebook.

Num anúncio formal, o bilionário do Facebook parece orgulhoso ao dizer que o brasileiro é o mais novo vice-presidente de realidade virtual na Oculus, empresa adquirida pela rede social em meados de 2014. Leia a nota completa de Zuckerberg

Eu estou animado ao dizer que Hugo Barra está entrando no Facebook para liderar todos os nossos esforços em realidade virtual, incluindo a equipa da Oculus. Hugo está na China neste exacto momento, e estamos aqui juntos em realidade virtual. Isso parece combinar.

Eu conheço o Hugo há muito tempo durante o seu trabalho na Xiaomi em Pequim, levando dispositivos inovadores a milhões de pessoas. Hugo compartilha da minha crença que a realidade virtual e aumentada será a próxima grande plataforma de computadores. Elas devem nos permitir vivenciar coisas completamente novas e ser mais criativos do que antes. Hugo irá ajudar a construir esse futuro, e eu estou muito animado por tê-lo na nossa equipa.

Hugo Barra, no Twitter, confirmou as palavras de Zuckerberg e diz estar animado para entrar na Oculus.

Antes de entrar na Xiaomi, Hugo Barra, brasileiro nascido em Minas Gerais, também fez parte da equipa de desenvolvimento do Android, dentro da Google, sendo o rosto de várias apresentações populares na marca. Na Xiaomi, ele transformou a companhia de uma start-up a uma das gigantes do sector.