Custuma ser por esta altura do ano que a fabricante taiwanesa HTC geralmente anuncia o seu novo flagship, ou seja, o próximo lançamento para a série “M” de smartphones. Cada vez que nos aproximamos mais do lançamento, o número de rumores só tende a aumentar, e o mais novo acaba de vir de uma fonte super conhecida, o Evan Blass (evleaks para os mais íntimos). Ele comenta alguns pormenores do novo aparelho apelidado de”Perfume”, esperado para Fevereiro ou Março.
php9d57xf
Segundo a postagem de Blass, o HTC One M10 deverá trazer de volta a tecnologia UltraPixel na sua câmera traseira com 12MP e auto-foco laser, algo que a empresa deve ter decidido após duras críticas recebidas no HTC One M9, que trazia um sensor de 20MP da Toshiba com um desempenho que deixava um pouco a desejar.
O UltraPixel foi uma tecnologia que a fabricante apresentou no HTC One M7, e que continuou no M8, porém desta vez, deverá retornar ainda melhor, afinal de contas, ao invés do up dos antigos 4 pixels para 1, o M10 deverá contar com 12 pixels para 1, tornando as imagens muito mais bem definidas do que antes, e o conjunto com o auto-foco laser apenas levará a experiência de uso a um nível muito melhor.
phptgmtud
Outros detalhes do smartphone, são que possivelmente trará um novo design (similar ao do HTC One A9) com ecrã AMOLED Quad-HD de 5.1 polegadas — algo inédito para a empresa que insistia em utilizar apenas telas LCD — processador Snapdragon 820, GPU Adreno 530, 32GB de memória interna (das quais 23GB estarão disponíveis para o utilizador), compatibilidade com cartões MicroSD, 4GB de memória RAM, Android Marshmallow e, quem sabe com sorte, altifalantes muito bons, como de costume. Para finalizar, Bass diz que é improvável que a HTC apresente esse novo aparelho agora durante a MWC 2016, optando pelo lançamento num evento separado para não ter que competir com a LG, Samsung, Huawei e diversas outras marcas pela atenção dos utilizadores.