Depois do sucesso que foi o Honor 8, era mais que esperado que da marca chinesa apresentasse o seu sucessor e mostrar o que esteve a preparar nos últimos meses.

O Honor 9 foi finalmente apresentado na Europa, mais precisamente em Berlim.

A Honor deu a conhecer o seu novo smartphone de topo, preparado para combater de forma igual com o que a sua concorrência mais direta tem no mercado.Depois de ser dado a conhecer na China no passado dia 12, havia uma curiosidade ainda maior em saber o que o Honor 9 tinha como argumento e se tudo o que se escreveu era mesmo verdade.

As características técnicas

Este é um smartphone que nos traz um ecrã de 5,15″ com resolução FullHD e tecnologia DCI-P3. O seu processador é o HiSilicon Kirin 960, também usado no Huawei P10 e Mate 9, tem uma GPU Mali-G71 MP8 e foi lançado em três versões: 4 ou 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno e outra de 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento interno, ainda que para o mercado nacional não cheguem todas estas versões.

O Honor 9 traz um sistema de câmara dupla, com sensores de 12 e 20 MP que permitem um zoom híbrido até 2x. A câmara frontal é de 8 MP, com abertura f/2.0.

Este smartphone vem ainda equipado com uma bateria de 3200 mAh, com carregamento rápido, conetor USB tipo-C, 4G Volte, Bluetooth 4.2, GPS com Glonass, Wi-Fi 802.11 a/b/g/n/ac, Huawei Pay e jack 3,5mm. O sistema Android é o 7.0 Nougat, personalizado, obviamente, com a interface de utilizador da Huawei a EMUI 5.1.

O design

Sendo um equipamento que prima pela imagem, o Honor 9 acabou por seguir as linhas já bem conhecidas do P10. A diferença que existe, e que é normal na Honor está nos materiais. Foi abandonado o metal e o vidro é o material nobre que garante um brilho único e um toque distinto.

O sensor de impressões digitais, que estava na parte traseira do Honor 8 foi mudado e está agora no botão principal, na frente do equipamento.

Há claramente um cuidado especial na sua construção, e isso nota-se em todos os pormenores e detalhes que são encontrados no Honor 9. Vale ainda a pena destacar a traseira que apresenta uma ligeira curvatura e que faz lembrar um pouco aquilo que a Samsung fez com o seu Galaxy S7 Edge.

O preço e disponibilidade

Havia uma grande expectativa quanto ao preço do Honor 9 na Europa, sendo esperado que este fosse um dos topo de gama com melhor preço a ser comercializado no território.

A Honor anunciou que o Honor 9 vai chegar ao mercado nacional com um preço de venda ao público de 459,90€, na versão de 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno, já no próximo dia 15 de julho. Estará ainda disponível nas cores Saphire Blue e Glacier Gray.

O Honor 9 é um smartphone de topo e tem a seu favor vários pontos. Segue uma linha bem conhecida e já do agrado de todos, herdada do Huawei P10, mas conta com um preço único, o que o fará ser uma opção a ter em conta. Depois do sucesso do Honor 8, é hora do seu sucessor mostrar o que vale e conquistar o mercado. Do que vimos nesta apresentação esta não deverá ser uma tarefa difícil, graças às suas especificações e à sua linha única.