Será esta a “morte prematura” do novo MediaTek Helio X20?

Pois bem, aparentemente está descoberta a razão, pela qual ainda não vimos nenhum equipamento equipado com o poderosíssimo Helio X20. Rumores dão indicação que tudo se deve ao facto do processador entrar em “sobreaquecimento” quando é colocado em testes.

mediatek-helio-x20

Não pensando apenas que estas situações acontecem só aos outros, sabemos muito bem que no ano passado o Snapdragon 810, também sofreu do mesmo, embora que não estivesse bem dentro do mesmo patamar, mas foi posteriormente substituído pela versão 808.

Agora a história repete-se, mas com outro protagonista… A MediaTek apresentou em Maio de 2015 este processador, com 10 núcleos, mas a demora na utilização deste componente, fez levantar muitas dúvidas…

Além desta falha, que já é bem grave, foi conhecido também que a construtora debate-se com outro problema… A falha na conexão com redes Wi-Fi… Pois, mas aqui, em principio a questão é bem mais simples de resolver, podendo facilmente ser ultrapassado com uma actualização ao firmware.

Este Helio X20, trás três blocos diferentes, um com dois núcleos Cortex-A72 a “correrem” a 2.5 GHz para assegurar um bom desempenho, outro com quatro núcleos Cortex-A53  a 2 GHz para um consumo mais equilibrado e um último com quatro núcleos Cortex-A53 a 1.4 GHz para assegurar as tarefas mais simples, para assim aumentar a poupança de energia.

Muito se falou e especulou sobre este novo processador… Inicialmente, construtoras com a Xiaomi, HTC, Meizu ou Lenovo iriam usar este componente, mas até agora, nada se confirmou… Provavelmente este não será o componente que irão usar, caso não sejam encontradas soluções, devido aos aspectos negativos que este possuí, pois poderia ter um impacto bem negativo na imagem e nas vendas destas marcas.

Estes problemas acontecem ao “melhores”… Irá a MediaTek resolver a questão?